17 de Agosto de 2011

A imagem que se reflecte

na escuridão

não passa do reflexo

espelhado no coração.

Palavras dispersas,

águas passadas

que se movem para a frente,

deixando antever

um futuro

incerto

de certo

inconstante e distante de tudo.

 

Ao abrir as asas

deixei que as luzes me guiassem.

Os teus olhos,

os teus olhos

são o meu guia

a minha ilusão de me perder

e nem sequer

ter tido a oportinudade

de perdoar

o próprio perdão de existir.

 

Saber que te amo

é o reflexo

desconexo

de sentir

viver

saborear

a vitória do teu amor.

 

Enigma - The Social Song (MMX)

 

publicado por luzesletrasimagem às 11:31

Hummmm
docinho :)
jokas
23 de Agosto de 2011 às 17:58

mais sobre mim
pesquisar
 
Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Agosto 2011
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10
11
12
13

14
15
16
18
19
20

21
22
23
24
25
26
27

28
29
30


arquivos
2013:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


2012:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


2011:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


2010:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


blogs SAPO